Header Ads Widget

Homem corta internet na sua zona para evitar que o filho passasse muito tempo ao telefone e corre o risco de ser condenado a 6 anos de prisão



Um homem, preocupado com o tempo que o filho passava no computador, desistiu de tentar fazer a criança deixar a prática e optou por uma alternativa extrema, cortou todas as ligações a internet na vila onde moram, no sudoeste da França, e agora corre o risco de ser preso.


Segundo a imprensa local, o pai contou às autoridades que queria limitar a utilização de internet na sua casa entre a meia-noite e as 3h da manhã, uma tentativa de obrigar os filhos a dormirem, em vez de ficarem durante a noite na internet.

Para isto, o homem comprou um bloqueador de sinal, um instrumento que corta temporariamente a conexão interferindo nos sinais de telecomunicações, mas que são ilegais em França. O bloqueador foi tão poderoso que cortou todas as ligações na sua área de residência.


Os vizinhos, sem saber da situação, ligaram às autoridades para investigar o incidente, e estas perceberam quem foi o responsável pela falha. O homem enfrenta agora uma pena que poderá chegar aos seis anos de prisão e aos 30 mil euros de multa.

Enviar um comentário

0 Comentários